Cheiro bom

20:04:00


Alguns cheiros são marcantes em nossas vidas: o cheiro do perfume do homem amado, o cheiro de um bebê, o cheiro do amaciante na tolha de banho...

Lembro-me de alguns cheiros que marcaram minha infância, como o cheiro do travesseiro dos meus pais. Coisa boa era acordar na manhã de domingo e pular para a cama deles só para sentir esse cheirinho.

O cheiro de comida da minha avó ao temperar um feijão ou assar uma carne de porco.

O cheiro de naftalina. Sei que esse cheiro não é nada bom, mas guardo com carinho e boas lembranças desse aroma na gaveta de roupas de minha outra avó.

Perfumes Tati e Fahrenheit. O primeiro usado por mim e o segundo pelo meu marido, na nossa adolescência quando começamos a namorar.

O cheiro do meu primeiro carro, e o cheiro do carro atual.

O Bar do Paraíba em Vargem Alta tem um cheiro indescritível e único.

O cheiro de terra molhada na umidade da mata fechada que existia no sítio do meu pai.

O olfato e o cérebro nos faz aproximar ou recusar determinados cheiros (científico isso não?!).

Mas o que importa é a lembrança deixada por esses cheiros no decorrer de nossas vidas.



Você poderá gostar também de

1 comentários

  1. Adoro cheiros Dani! Eu junto os cheiros às trilhas sonoras da vida na mesma categoria... ADORO!!!

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário!

Postagens Populares

Like us on Facebook

Flickr Images