Do que eu aprendi sobre o mel de agave

09:36:00


Escutava algumas blogueiras fitness famosas falando sobre o uso do mel de agave que decidi experimentar.

Na minha primeira vez em um Whole Foods com aqueles emaranhados de produtos orgânicos, agarrei meu vidro de mel de agave como se tivesse achado minha lente de contato perdida na areia da praia (comparação bizarra? Mas foi exatamente assim que me senti).

Nunca havia experimentado e me deparei com 6 vidros do frasco dentro da mala voltando para o Brasil. 

Chegando em casa notei que pouca quantidade do mel nos alimentos já adoça bastante. E que o sabor era maravilhoso.

Não precisa ir longe pra compra não, ok! Isso é coisa das minhas danadices e danielices. 

A Jasmine possui vários tipos do mel de agave.

           


Mas o que é esse mel de agave? De que é feito? Quais os prós e contras? Não sabia até começar a escrever esse post e buscar informações no google.

Abaixo vocês irão ler trechos que pesquisei na internet.

Mel, xarope ou calda de agave é um adoçante natural, 100% vegetal e orgânico que tem aparência semelhante ao mel, mas é obtido a partir de uma planta mexicana conhecida como Agave Tequilana Weber ou Agave Azul. O seu sabor é similar ao do açúcar, mas, por ser uma fonte natural de frutose, chega a ser cerca de 1,5 vezes mais doce que a sacarose. Além disso, a Calda de Agave apresenta baixo índice glicêmico, ou seja, ela é absorvida lentamente pelo organismo, mantendo os níveis de glicose no sangue sempre estáveis. Na busca pela substituição do açúcar no dia a dia, a Calda de Agave se apresenta como uma boa opção, pois, além e ser de origem vegetal, também é rica em sais minerais como ferro, cálcio potássio e magnésio. Outro ponto positivo é que ela é livre de glúten e lactose, podendo ser consumida por lactantes e celíacos. Um dos pontos negativos é que há algumas evidências que sugerem que o excesso de frutose impacta negativamente no metabolismo, aumentando triglicérides e gordura abdominal. Visto que o néctar de agave contém uma proporção mais elevada de frutose que a maioria, se não todos, dos outros adoçantes existentes no mercado, as preocupações sobre a frutose pode razoavelmente aplicar a agave néctar. Consumir açúcar demais, em todas as suas formas, terá impacto negativo à saúde. Outro ponto negativo é o processo de fabricação do xarope de agave, que é similar aos métodos empregados na fabricação de outros adoçantes não saudáveis, que são refinados.

Ou seja, assim como muitos produtos que se tornam os queridinhos da vez, seja pelos efeitos realmente benéficos a saúde, ou pelo o que a indústria alimentícia, através dos seus lobbyes, "taxa" como benéfico, ainda somos simples cobaias.




Você poderá gostar também de

0 comentários

Obrigado pelo seu comentário!

Postagens Populares

Like us on Facebook

Flickr Images