Por que a Barra?

11:03:00




Todas as vezes que vou a Rio fico na Zona Sul. E sempre com o mesmo argumento: Zona Sul dá para fazer tudo a pé. Zona Sul tem os melhores restaurantes. Zona Sul tem as melhores baladas. Zona Sul tem os melhores teatros. 

Só que nessas regiões turísticas do Rio (Ipanema/Leblon/Copacabana) não existe mais espaço para crescer, a quantidade de turistas nas praias é assustadora e os hotéis existentes inflacionam os preços. Tudo caro! Além disso, caminhar pela Lagoa ou nas regiões centrais de Copacabana ficou muito perigoso.

Sempre fui a Barra da Tijuca para ir ao Barra Shopping, ainda criança, ou ao Vilagge Mall depois de sua inauguração. E eventualmente para ir a algum restaurante da região. Mas nunca ficava hospedada por lá.

Porém depois de conhecer o bairro mais a fundo, a gente percebe o quão gostoso se tornou o dia a dia de quem vive ou frequenta a Barra. Pegar praia na Praia do Pepe, tomar uma água de coco no quiosque Riba, almoçar em qualquer restaurante da orla, curtir a praia sem precisar disputar um espaço na areia, passar o fim de tarde em algum bar da Olegário Maciel. 

É um bairro seguro, estilo american way of life. Suas ruas largas foram planejadas assim como Brasília. Me lembra muito Orlando. 

Muitos dos condomínios residenciais existentes possuem toda uma estrutura física como academia, salão de beleza, mercados e isso traz um estilo de vida mais cômodo e seguro aos seus moradores. 

Além disso, na Barra, os preços de bons hotéis são incomparáveis aos da Zona Sul: Preços justos e com qualidade no atendimento. Além das várias opções de flats ou apartamentos equipados para atender toda a família.

Adorei a experiência de curtir a Barra da Tijuca e o estilo de vida de seus moradores e frequentadores. A gente se sente mais carioca e menos turista.




Você poderá gostar também de

0 comentários

Obrigado pelo seu comentário!

Postagens Populares

Like us on Facebook

Flickr Images